créditos guilhermetorres.com
Homefulness

Viajar sem sair de casa  

Qual é o seu estilo? Contar por onde andou ou inspirar-se em destinos de sonho?

Quem é apaixonado por viagens, está sempre pronto para fazer as malas e partir à descoberta de um novo destino. E se é do tipo de trazer recordações, de cada ponto por onde passa, já está a deixar espaço livre na bagagem para ampliar a sua coleção, certo? Entre destinos, que tal reviver essas memórias ou inspirar novas aventuras, sem sair de casa?


Somos quase todos culpados do mesmo. Em viagem, temos uma tendência incontrolável para adquirir todo o tipo de “recuerdos”, desde postais a peças artesanais locais, como estatuetas, cerâmicas ou tapetes, ou até pins para o frigorífico. Mas o que acontece no regresso a casa?

Muitos ficam esquecidos num canto ou caixa qualquer, no fundo de um armário ou arrecadação. Por que não incorporar estes elementos na decoração da sua casa, e da próxima vez assumir que vai mesmo trazer algo que quer mostrar? Afinal, expor os seus tesourinhos é uma excelente forma de deixar-se “viajar” sempre que olha para estas recordações! E um ótimo tema de conversa.

Mas, se anda a sonhar com “aquele destino” a que ainda não pôde ir mas que inspira as suas “viagens” desde o sofá, abrace essa ideia e traga para o seu ambiente os elementos ou “presentes de amigos” que o fazem sonhar.

Seja qual for o caso, como este mês o tema é viajar, ficam algumas sugestões para quem tem dúvidas de como harmonizar estas peças “diferentes” com a restante decoração.

www.design-milk.com

Crie um “cabinet de curiosités”

Porque não reunir todos os objetos e lembranças que foi trazendo das suas viagens (ou recebendo de presente das viagens dos amigos) e dar-lhes nova vida exibindo-os num móvel, como uma estante ou vitrina,  feito à medida para expôr a sua colecção? Os franceses chamam a isto um “cabinet de curiosités”. Um móvel que vai despertar a curiosidade das visitas, ou fazê-lo recordar momentos, episódios e destinos, cada vez que olhar para ele.

www.design-milk.com

E não, não tem de se limitar às recordações das suas férias! Traga para casa objetos típicos de destinos com que sempre sonhou: mapas, pequenos quadros ou placas com citações motivadoras. A ideia é que este móvel se torne o ponto focal da divisão, e uma peça inspiradora, com memórias e desejos.

www.houseandgarden.co.uk

Uma livraria nómada

Se é amante de viagens, pense em dedicar uma zona da sua estante a livros sobre o tema, sejam guias de países que já visitou, romances passados em destinos com que sempre sonhou, ou livros de fotografia temáticos. Assim, sempre que precisar de umas férias instantâneas, é só pegar num!

Mas também há livros que merecem ter vida para além da sua estante: exiba alguns dos seus livros de viagem, arte ou fotografia favoritos na mesa de café. Vai ver como se tornam um ótimo desbloqueador de conversas!

Se acaba de dar-se conta, até que o leu neste artigo, que tem demasiados livros, peças e outra memorabilia de viagens fechadas em caixas, se calhar está na hora de conversarmos sobre uma nova estante, móvel ou vitrina à medida para as mostrar. Pense que vale a pena porque, afinal, falam de si.

www.designstiles.me

Todos os lugares que visita tornam-se, de alguma forma, parte de si

Anita Desai

www.essentialhome.eu

Aposte em apontamentos exóticos

Para “viajar em casa” durante todo o ano, também pode adotar esta estratégia: investir em mobiliário ou peças decorativas, que evocam destinos de férias ou paragens exóticas. Não precisa de transformar toda a casa num cenário temático! Basta escolher um destino como inspiração para uma divisão, por exemplo, ou apostar em pequenos apontamentos que possam viver em harmonia com a restante decoração.

E há duas formas de o fazer: ou matchy-matchy que complementam o ambiente do espaço ou assumindo statement pieces que confiram uma personalidade evidente a uma zona. Tudo depende do destaque que lhes quiser dar para criar o “mood” da divisão.

www.zarahome.com

Algumas sugestões que funcionam sempre: um tapete kilim no chão ou na parede, almofadas de padrões étnicos no sofá, cerâmicas tradicionais e estatuetas artesanais, ou um papel de parede que o faça “voar” até ao outro lado do mundo. Uma mala de viagem vintage também é sempre um detalhe que nos lembra que está na hora de começar a planear e escolher o próximo destino!

www.denydesigns.com

Dê bom uso às suas fotografias

Outra recordação que não pode faltar depois de umas boas férias ou viagem: fotografias! Sejam estas da sua família e amigos, de paisagens paradisíacas, detalhes exóticos, curiosos ou rostos de gentes, cenários e costumes, são uma excelente forma de dar vida às suas paredes e fazer lembrar “viagens” durante todo o ano.

Tome nota: desenhos de artistas locais, posters de exposições que visitou, bilhetes de eventos e flyers, podem fazer fantásticas “feature walls”. Se preferir uma abordagem mais discreta, pequenas molduras aqui e ali (por exemplo, na tal estante junto aos livros de viagens ou num móvel mais baixo) ou álbuns fotográficos na mesa junto ao sofá, também são uma excelente opção para expor estes “lembretes” de viagem.

Pronto para fazer as malas? Dica 1: deixe espaço para o que vai trazer e pense nas recordações que quer expôr em casa.

Pronto para desfazer as malas? Dica 2: edite os seus tesouros e atreva-se a criar destinos de viagem dentro de quatro paredes, 365 dias por ano!

Boas férias!

Outros artigos

Quartos com boa energia

Quartos com boa energia

Quer abrir a porta e sentir que entrou noutra dimensão, onde só se respira paz? É tudo uma questão de princípios, segundo o Feng Shui.

ler mais
Vamos falar de cores?

Vamos falar de cores?

Uma escolha vital, que vai além da estética. Saiba como mudam o ambiente de um espaço e também o seu humor. Pela sua saúde.

ler mais
Quartos com plantas?

Quartos com plantas?

Sim mas… Nem todas são boas companheiras.
Saiba quais são as escolhas mais saudáveis para dar bom ar ao espaço onde dorme.

ler mais